ANUNCIE AQUI !!

Adbox

segunda-feira, 5 de setembro de 2011

Bombeiro cuida de praças e exalta hinos

O bombeiro tenente Roberto José Caetano, do 4º Grupamento de Bombeiros da Lapa, contou, em entrevista ao Jornal do Brás, que participa ativamente do projeto “A Praça e as Bandeiras”.
Esse projeto voluntário compreende em adotar praças, com os bombeiros mirins e juvenis. “Fazemos o hasteamento das bandeiras Nacional, do Estado e do Município, canto do Hino Nacional Brasileiro, do Hino à Bandeira e do Bombeiro Mirim. Logo após, fazemos a revitalização da praça, e identificação das plantas (mudas) com engenheiro agrônomo”, explicou

Os objetivos, disse o bombeiro tenente Caetano, são o resgate da cidadania e do civismo e a preservação do meio-ambiente, dando uma oportunidade para a juventude colocar em prática seu aprendizado. “Principalmente, cuidando de um espaço público, que é a praça”, completou.

O projeto teve início no bairro do Imirim, na zona norte, e lá acontece todas as segundas-feiras. Ele, que é do Rotary Bela Vista/Bixiga, contou também que “A Praça e as Bandeiras” está agora na praça Dom Orione entre as ruas 13 de Maio e Rui Barbosa, todos os sábados.

Caetano é presidente fundador da Associação Bombeiros Mirins Jovens Voluntários (BMJV), e informou também que a 19 de novembro de 2011, Dia da Bandeira, será feita a continuação do “A Praça e as Bandeiras” com o Rotary Brás, em local a ser definido.

Salvamento de vidas humanas

Instrutor da empresa Emergency First Response (EUA) e do resgate do Corpo de Bombeiros desde 1989, o bombeiro tenente Caetano tornou-se socorrista de instrutor internacional. Ministra o Curso de Capacitação Profissional, compreendendo oito horas/aula de treinamento. “Dou aulas de reanimação cardiopulmonar, uso do desfibrilador, desobstrução de vias aéreas (bebê, criança e adulto), crianças engasgadas e emergências médicas – enfarto agudo do miocárdio, acidente vascular cerebral, epilepsia, hemorragia, queimaduras e desmaios. É um curso completo na área de emergência para minimizarmos a perda de vidas humanas”, disse.

Segundo ele, estatísticas mostram que, por ano, 300.000 pessoas morrem por parada cardiorrespiratória.

O bombeiro tenente Caetano informou ainda que o cérebro humano sobrevive até cinco minutos sem oxigênio, depois desse tempo começa a morte cerebral. “Eu já atendi muitas pessoas nas residências que estavam em parada cardíaca. As pessoas não sabem o que fazer”.

Ele finalizou a entrevista lembrando que capacitou 1.000 pessoas nas estações do Metrô durante uma semana, e 1.050 pessoas na Feira da Saúde da ACSP com treinamento de reanimação cardiopulmonar.

Contatos com o bombeiro tenente Caetano pelos fones 8134-1345 e 6214-2089 ou e-mail: bombeiro.caetano@terra.com.br e bombeirocaetano@ig.com.br. (Fotos: Wagner Wilson).

0 comentários:

Anuncie ! 728x90

Publicidade 1

Web Rádio E5 - Spotify

Web Rádio E5 AO VIVO

Web Rádio E5 AO VIVO
Transmissão no MyRadioStream

Web Rádio BOA DEMAIS

Web TV E5

Camerite - Terminal Turístico 25 de Março - S. Paulo-SP

Camerite -av. República do Líbano - S.Paulo-SP

Jornal do Brás

Jornal do Brás no Facebook

Terra Brasil - Últimas Notícias

O GLOBO - Últimas Notícias

OVNIs e ETs

OVNIs e ETs
Site do Portal E5 Brasil. Tudo sobre Ufologia

Arquivo do Rádio

Arquivo do Rádio
Viaje no tempo e relembre áudios registrados ao longo da história do Rádio no Brasil

Boletins na Rádio Terra AM

Boletins na Rádio DaCidade AM

Eduardo no Instagram