Verão tem grande incidência de raios. Saiba se proteger

Por Eduardo Cedeño Martellotta 

O Brasil é o país com maior incidência de raios no mundo. De acordo com o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), cerca de 50 milhões de raios atingem o País todos os anos, uma média de duas ou três descargas elétricas por segundo. A cada hora, mais de 5.700 raios atingem o Brasil.
Além de causar incêndios e grandes prejuízos econômicos, esse fenômeno representa também uma ameaça à população. Anualmente cerca 300 pessoas são atingidas por raios no Brasil, cerca de 100 acabam falecendo. Isso representa 10% dos óbitos relacionados a descargas elétricas em todo o mundo.
Entre os anos 2000 e 2012, ocorreram 1.601 mortes relacionadas ao fenômeno. Nesse período, mais homens morreram do que mulheres (82% contra 18%), com maioria entre 20 e 39 anos (43% do total). A estação do ano em que mais mortes foram registradas foi o verão (45%), seguido pela primavera (32%), outono (14%) e inverno (9%). Esses números não são exatos, já que muitas mortes provocadas por raios são registradas como óbitos por parada cardíaca, fazendo a estatística parecer mais baixa. Já em 2012 foram registradas 42 mortes por descargas elétricas em todo o país.
No último ranking do Grupo de Eletricidade Atmosférica – ELAT do Inpe, de 2013, o Rio Grande do Sul aparece como o estado com a maior incidência de raios. Porém, entre 2000 e 2012, São Paulo foi o estado que registrou o maior número de óbitos.

Cidades cariocas tem mais raios
Ainda segundo o ranking, a cidade brasileira com a maior incidência de raios é Porto Real (RJ), com densidade de descargas/ano de 19.66, seguida por Barra do Piraí (RJ), com 18.09 e Valença, também no RJ, com 17.31. São Paulo (SP) registrou 10.62 e 14 mortes por raio no estudo. Já Manaus, cujo índice foi 13.45, teve 16 mortes e um aumento de 50% na quantidade de raios nos últimos 30 anos. 
Os dados são assustadores. O caso mais recente aconteceu na Praia da Enseada, no Guarujá, quando uma mulher de 36 anos foi atingida por um raio e morreu, dia 12 de janeiro último.

Dicas para se proteger dos raios
Proteja-se das descargas elétricas. Os meteorologistas do Inpe e o ELAT dão algumas dicas básicas:
* Caso a pessoa estiver em casa, ficar afastada da rede elétrica e não utilizar aparelhos elétricos que tenha fio, inclusive o telefone. O ELAT indica ainda evitar ficar perto de tomadas, canos, janelas e portas metálicas;
* Se a pessoa estiver no campo, é preciso evitar árvores, que não são locais seguros. A melhor opção é ficar dentro do carro, onde a descarga elétrica passa pela estrutura metálica;
* Se a pessoa estiver em um lugar aberto, em um campo de futebol, por exemplo, e perceba que vai acontecer uma tempestade, procure um abrigo. Caso já esteja chovendo, com a presença de raios, é recomendado que se agache, com as pernas juntas. Além disso, o Grupo de Eletricidade Atmosférica – ELAT indica evitar segurar objetos metálicos longos (varas de pesca, tripés e tacos de golfe), empinar pipas e aeromodelos com fio, andar a cavalo, nadar e ficar em grupos;
* Pequenas construções (tendas, barracos, celeiros) e veículos sem cobertura oferecem risco e não protegem. Topos de morros e de prédios, áreas descampadas, estacionamentos, cerca de arame, torres e árvores isoladas oferecem grande risco. Sobre o mito de estar calçando algo de borracha, como uma bota, os meteorologistas afirmam que isso não é suficiente para se proteger. É preciso seguir todas as orientações anteriores.



0 comentários:

Anuncie aqui !!

banner image

Anuncie no Portal E5

Faça seu produto, serviço ou empresa aparecerem aqui no Portal E5 !! Saiba mais , Fale conosco e solicite um orçamento (clicar no formulário abaixo)

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Web Rádio E5 AO VIVO 24h

Web Rádio E5 AO VIVO 24h
Transmissão todos os dias

Web Rádio E5 no Spotify

Web Rádio BOA DEMAIS

Anuncie aqui !!

banner image

Jornal do Brás

Jornal do Brás no Facebook

Web TV E5