Junho Vermelho lembra importância da doação de sangue

 


Campanha de conscientização do Banco de Sangue de São Paulo reforça a importância do gesto solidário que salva vidas. Ao longo do mês doadores serão homenageados com um coração antiestresse 

A campanha Junho Vermelho, uma alusão à cor do sangue, realizada nacionalmente, foi criada com o objetivo de conscientizar a sociedade sobre a importância do gesto solidário de doar sangue, especialmente neste mês em que é celebrado, em 14 de junho, o Dia Mundial do Doador de Sangue.

No Banco de Sangue de São Paulo, ao longo do mês, haverá ações de conscientização alusivas à campanha, veiculadas em seus canais de mídias sociais - Facebook e Instagram -, com o tema: "O Caminho para a Solidariedade", cujo conceito é a trilha que o doador deve percorrer para praticar esse gesto solidário que pode salvar até 4 vidas. O mote complementar na peça ressalta: "É mais simples do que você pensa, o seu caminho pode ajudar outros 4. Doe sangue!".

De acordo com Bibiana Alves, líder de captação do Banco de Sangue de São Paulo, são fundamentais as campanhas de sensibilização para a necessidade das doações de sangue, principalmente neste momento em que o país enfrenta as consequências da grave crise sanitária.

"Com o Junho Vermelho, realizado em âmbito nacional, esperamos que mais pessoas possam despertar para a importância das doações de sangue. Milhares de pacientes que estão em tratamentos clínicos, especialmente os oncológicos e transplantes, além dos pacientes com Covid-19 necessitam desse gesto solidário, e fazem com que as doações sejam ainda mais urgentes", diz Bibiana.

Para que os estoques se mantenham em um nível confortável, são necessárias 160 doações diárias, porém, desde o início do ano, a unidade vem enfrentando um déficit de 40% em seus estoques sanguíneos.

O Banco de Sangue de São Paulo segue rigorosamente todos os protocolos contra a Covid-19 e recentemente conquistou o selo Covid Free de Excelência, que é concedido às instituições que mantêm boas práticas preventivas para o enfrentamento ao coronavírus.

A unidade atende de segunda a sexta, das 8h às 17h, e sábados, domingos e feriados, das 8h às 16h. Está localizada na Rua Tomás Carvalhal, 711, Paraíso. Fone: (11) 3373-2000. Fonte: àsClaras Comunicação

 

Pró-Sangue também chama doadores

A Fundação Pró-Sangue, instituição pública ligada à Secretaria de Estado da Saúde, coleta e processa cerca de 10.000 bolsas de sangue por mês, destinadas para o atendimento de mais de 100 instituições públicas de saúde da rede estadual. Nesse momento, a Fundação opera com apenas 50% dos estoques e os tipos O+ e O- estão em emergência. http://www.prosangue.sp.gov.br/ fone (11) 4573-7800.

Quem pode doar 

Para a doação, é necessário ter entre 16 e 69 anos, desde que a primeira doação tenha sido feita até 60 anos. Para menores de 18 anos, é necessário o consentimento dos responsáveis. A pessoa também precisa pesar mais de 50kg e levar um documento de identidade original, com foto recente.


                           Estação Tamanduateí do Metrô também ficou iluminada de vermelho

                        Foto: Assessoria de Imprensa - Secretaria dos Transportes Metropolitanos

 

Postar um comentário

0 Comentários

Web Rádio E5 24h

Web TV E5



Web Rádio Boa Demais

Boletins na Rádio DaCidade AM

Boletins na Rádio Terra AM

Notícias da Ufologia

Notícias da Ufologia
Site mais antigo do Portal E5, agora reformulado. Tudo sobre Ufologia.

Arquivo do Rádio

Câmeras CET - São Paulo-SP

Câmera São Paulo-SP