Extra Hiper vende 71 lojas para o Assaí


                                         Extra Hipermercado do Morumbi - Foto: GPA Malls

A Companhia Brasileira de Distribuição – GPA (PCAR3) e a Sendas Distribuidora – Assaí (ASAI3) informaram dia 14 de outubro último, que o conselho de administração de ambas as companhias aprovou uma transação envolvendo a conversão de lojas Extra Hiper operadas pelo GPA em cash & carry, que passarão a ser operadas pelo Assaí. 

A transação envolve 71 pontos comerciais localizados em diversas unidades federativas do Brasil. Por meio de memorando de entendimentos vinculante, o GPA cederá ao Assaí lojas operadas sob a bandeira Extra Hiper em imóveis próprios e locados de terceiros, bem como dos respectivos contratos de locação, podendo também envolver aquisição pelo Assaí de equipamentos existentes nas lojas. 

O preço total estimado da transação a ser recebido por GPA é de até R$ 5,2 bilhões, dos quais R$ 4 bilhões deverão ser pagos pelo Assaí, de forma parcelada, entre dezembro de 2021 e janeiro de 2024. O valor de R$ 1,2 bilhão restante será pago por um fundo imobiliário ao GPA pela compra de 17 imóveis próprios do Grupo. Já o Assaí celebrou memorando de entendimentos com o fundo imobiliário para locação dos imóveis adquiridos por 20 anos, renováveis por igual prazo. 

Para Jorge Faiçal, CEO do GPA, “a transação representa uma oportunidade única de intensificar o foco e a aceleração da expansão dos negócios de maior rentabilidade da companhia por meio dos segmentos premium e de proximidade, notadamente com as bandeiras Pão de Açúcar, Minuto e Mercado Extra, além de reforçar a posição de liderança do GPA no varejo e e-commerce alimentar no país. O GPA pós transação representará uma plataforma com grande potencial de crescimento e reduzida alavancagem. A bandeira Extra Hiper será descontinuada e as lojas não abarcadas pela transação serão convertidas em formatos com maior potencial de rentabilidade.” 

Para Belmiro Gomes, CEO do Assaí, “a transação permitirá uma importante aceleração da expansão combinada ao fortalecimento dos resultados através da conversão de lojas em pontos comerciais excepcionais, localizados em regiões adensadas e com baixa sobreposição com a plataforma atual de lojas do Assaí. Este movimento é suportado pelo comprovado modelo de sucesso implementado na abertura de mais de 150 lojas na última década, das quais mais de 25 lojas oriundas do Extra Hiper, sendo que estas apresentaram rápida maturação de vendas e resultado superior à média da companhia.”

Coronavírus

(14/10) O mundo registra 239.642.888 de casos de coronavírus e 4.882.474 mortes, confirmadas pela Universidade Johns Hopkins.

Painel Vacinas Covid-19 Brasil:  Doses Distribuídas pela União: 310.498.347. Doses aplicadas: 247.067.891.

A Prefeitura de São Paulo anunciou dia 14 de outubro último, em entrevista coletiva, que o uso de máscaras em locais públicos na capital paulista continuará sendo obrigatório. Qualquer decisão sobre mudanças nas diretrizes para o uso de máscaras só deverá acontecer em um prazo de 20 ou 30 dias, já que a capital paulista quer completar o ciclo vacinal da segunda dose em toda a população. O prefeito Ricardo Nunes (MDB) acredita que a vacinação será completada entre os dias 10 e 15 de novembro.

Informações fornecidas pela ADVFN Brasil.

Eduardo Cedeño Martellotta

Jornalista pós-graduado em Jornalismo Esportivo e Negócios do Esporte pela FMU. Editor Geral, Redator e Repórter do Jornal do Brás (2004 a 2021). Co-autor e Prefaciador de livros e antologias da Editora Matarazzo. Autor do livro "Brás e seus Logradouros - origem e história". Trabalhou nas Rádios DaCidade AM e Terra AM. Criador e Editor do Portal E5 (2010 a 2021).

Postar um comentário

Please Select Embedded Mode To Show The Comment System.*

Postagem Anterior Próxima Postagem