Ajude a ABRAPEC

Acesse o site da Associação Brasileira de Assistência às Pessoas com Câncer - ABRAPEC, conheça o trabalho da entidade e ajude.

Web Rádio E5 traz os melhores flashbacks

Com programação 24h, emissora do Portal E5 traz os grandes sucessos dos Anos 70, 80 e 90, do Rock e da MPB.

Colorado do Brás disputa Grupo Especial após 25 anos

A Escola de Samba Colorado do Brás está no Grupo Especial em 2019 com o samba-enredo "Hakuna Matata - Isso é Viver". Saiba mais.

Adote um cão ou gato na UIPA

Existente há 123 anos, União Internacional Protetora dos Animais fica no Canindé. Conheça o trabalho da entidade e faça sua adoção.

Jornal faz 29 anos em Jantar Oscar Dourado

O Jornal do Brás comemorou 29 anos de ação dia 20 de outubro, programando desde já o 23º Jantar Anual Jornal do Brás dia 11 de dezembro no fulgurante Salão Boate Pyramidys do Clube Atlético Juventus.

segunda-feira, 31 de dezembro de 2012

Retrospectiva 2012 - E5 TV

Os grandes fatos do ano de 2012 na Retrospectiva 2012. Desde 2006 o jornalista Eduardo Martellotta produz a retrospectiva, no site de vídeos YouTube, antes no canal TV RSU e agora na E5 TV.
Veja histórico em http://www.youtube.com/user/educemar/videos?view=1


quinta-feira, 22 de novembro de 2012

Guarda Luizinho e as lembranças da Praça Ramos

Luiz Gonzaga Leite, assim é chamado o famoso Guarda Luizinho, que trabalhou durante muito tempo na Praça Ramos de Azevedo, orientando os pedestres a atravessarem na faixa de pedestres. "Orientação e Educação no lugar de punição", é o seu lema.







O folclórico guarda de trânsito ainda guarda memórias de quando atuava na Praça Ramos, em frente ao extinto Mappin (hoje Casas Bahia). Dia desses, trouxe à tona essas recordações durante os festejos da antiga Guarda Civil de São Paulo, na AORPM - Associação dos Oficiais da Reserva da Polícia Militar, que este ano comemorou 86 anos.






“Hoje, se sou famoso, é graças a vocês, que transitavam pela Praça Ramos de Azevedo, local onde passavam 1 milhão e 200 mil pessoas por dia e o farol abria e fechava 397 vezes por dia", lembrou Luizinho, que orientava o povo para que atravessasse a faixa corretamente, não permitindo que condutores de veículos ficassem em cima da mesma. Quando isso acontecia, o Guarda Luizinho abria as portas dos veículos e solicitava ao povo que atravessasse por dentro dos veículos !
E quando um pedestre atravessava com farol vermelho, era por ele barrado e após uma aula de educação de trânsito, o presenteava com uma caveirinha. Velhos tempos!

segunda-feira, 5 de novembro de 2012

A hora de Fernando Haddad

Eleito com 3.387.720 votos (55,57% dos votos válidos), contra 2.708.768 (44,43%) do concorrente José Serra do PSDB, Fernando Haddad (PT) assumirá em 1º de janeiro a cadeira de prefeito da maior cidade da América Latina e uma das quatro maiores do mundo - São Paulo.
E os desafios são muitos: melhorar o já caótico trânsito de São Paulo, cujas ruas receberam 3,4 milhões de veículos entre 2001 e 2011 (dados do Denatran em conjunto com o Observatório das Metrópoles) ; dar melhor atendimento ao munícipe nos postos de saúde; criar creches para superar a falta de vagas nas já existentes na cidade; melhorar a educação nas escolas municipais - pasta onde Haddad é especialista. Aliás, ele propõe escola em tempo integral.
Veja abaixo as propostas do prefeito eleito Fernando Haddad, extraídas do site "Opinião & Notícia" http://opiniaoenoticia.com.br/brasil/prefeitura-de-sao-paulo-propostas-de-fernando-haddad/:

Saúde: Rede de atendimento mais ampla, rápida e que chegue mais perto da casa das pessoas, mesmo as que moram longe da região central. Mil novos leitos hospitalares, três novos hospitais, a Rede de Saúde Hora Certa, composta de 31 Centros de Saúde, uma para cada subprefeitura. Os centros terão tecnologia para realização de exames complexos e alguns tipos de cirurgias. Cinco novos pronto-socorros, 43 novas Unidades Básicas de Saúde, prontuário eletrônico e plano de carreira para os profissionais da área.
Cultura: Ligada ao desenvolvimento dos bairros, com a recuperação de áreas subutilizadas e a construção de dois novos Centros Culturais na Zona Leste e na Zona Sul. Criação do Fundo Municipal de Cultura.
Educação: promover uma ampliação gradual da oferta de ensino em tempo integral, com sete horas de atividades em dois turnos. Retomar a construção de 20 CEUs seguindo o modelo original do projeto. Trazer para São Paulo a Universidade Aberta do Brasil para formação continuada de professores.
Habitação: combater a escassez de moradia e o problema da distância entre casa e emprego, repovoando o Centro. Urbanização de favelas, reforma de habitações em estado precário e remoção de famílias das áreas de risco.
Meio Ambiente: redefinição urbanística, descompressão da cidade, construção de “prédios verdes” receberá incentivo fiscal e inspeção veicular sem cobrança.
Segurança: programa Territorializado de Prevenção da Violência e da Criminalidade, ação interssetorial, que envolve Saúde, Assistência Social, Emprego, Renda, Educação, Ambiente Urbano, Cultura, Lazer e Esportes no combate à violência. Ampliação da Guarda Civil Metropolitana reforçando o seu caráter comunitário.
Esporte: Esportes nas escolas com atendimento mais completo, com ampliação da infraestrutura e  investimento na promoção de atividades esportivas para os jovens, criando espaços efetivos. Construção de dois Centros Olímpicos, um na Zona Leste e outro na Zona Sul, e um Parque de Esportes Radicais.
Economia: descompressão do centro expandido, promovida pelo Arco do Futuro, que irá encurtar distâncias, descongestionar trajetos, aproximar lugares e ajudar a distribuição da riqueza e oportunidade  pela cidade. Imposto Inteligente: reduzindo, em algumas regiões da cidade, o ISS e o IPTU, este último até zero, de acordo com a necessidade de desenvolver as regiões e aproximar o emprego da moradia do trabalhador. Revisão das regras de Potencial Construtivo, para permitir a chegada de novos empreendimentos a lugares pouco desenvolvidos. As subprefeituras serão fortalecidas. A cidade vai ganhar uma Controladoria Geral do Município, para fiscalizar e prevenir a corrupção, e um Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social.
Trabalho: Cada bairro vai funcionar como a cidade funciona, com empregos e escolas. Levando atividade, serviços, emprego e riqueza para todas as regiões paulistanas, pensando nas carências e vocação de cada bairro.
Transporte: Bilhete Único Mensal, com valor fixo, sem limite de viagens. Para atender ao aumento da demanda, serão 150 km de corredores, mais 150 km de faixas exclusivas e apoio financeiro ao metrô, com exigência de metas.
As fotos de Fernando Haddad foram extraídas do site Conjuntura Online e do blog A lauda amassada. 

terça-feira, 9 de outubro de 2012

Serra e Haddad vão para o 2º turno

Vai haver o segundo turno nas eleições à Prefeitura de São Paulo, com os candidatos José Serra do PSDB e Fernando Haddad do PT. O candidato Celso Russomanno do PRB, então líder nas pesquisas, acabou ficando em terceiro lugar e está fora da disputa. Veja abaixo os resultados oficiais obtidos no site do Tribunal Superior Eleitoral - TSE:

Confira agora o resultado da eleição para vereador em São Paulo:

quinta-feira, 13 de setembro de 2012

Eduardo recebe Prêmio Gutenberg

O editor e criador do Portal E5 Brasil e também editor e repórter do Jornal do Brás, jornalista Eduardo Cedeño Martellotta recebeu no último dia 11 de setembro no auditório do SESC Belenzinho o Prêmio Gutenberg, evento realizado pelo 5º ano consecutivo pelas Distritais Mooca, Penha, São Miguel e Tatuapé da Associação Comercial de São Paulo - ACSP.
O prêmio é uma criação de José Garris Del Valle e faz menção ao inventor da Imprensa, Johannes Gutenberg em 1440.

















Em maio de 2012, Eduardo Martellotta também recebeu do Conseg (Conselho Comunitário de Segurança) Brás/Mooca e Belenzinho, um Diploma de Reconhecimento pelos relevantes serviços prestados à região.

segunda-feira, 20 de agosto de 2012

O ganhador do nosso livro

Ele é Wagner Wilson, morador do Pari, que foi o primeiro a responder à pergunta: "Qual o portal que dá prêmios para você?".
Wilson ganhou o livro "Carlos Botelho - Nasceu no século XIX, viveu no XX e vislumbrou São Paulo do século XXI", escrito por Antonio Carlos Botelho Souza Aranha.
Carlos Botelho deu nome a uma rua situada no bairro do Brás.
Em breve, mais promoções aqui no Portal E5 Brasil.
Wagner Wilson deixa à disposição dos internautas a sua Web Rádio Pari - http://bairrodopari.com/radio/ .

sexta-feira, 3 de agosto de 2012

Museu da História de SP será entregue em 2013


A antiga Casa das Retortas segue em obras para a instalação do futuro Museu da História de São Paulo.
Segundo a Secretaria de Estado da Cultura, o novo espaço irá contar a história do Estado de São Paulo e retratar a história paulista em ordem cronológica, desde sua pré-história (povos que habitavam o que viria a ser São Paulo antes da chegada do colonizador) até a década de 1980.



O museu, localizado na rua Maria Domitila, 79, esquina com a rua da Figueira e rua do Gasômetro, contará com exposições, permanentes e temporárias, e fará parte de um complexo cultural formado também por um centro de pesquisa documental, livre para consulta pública, que promoverá seminários e conferências sobre assuntos referentes à história e à cultura do Estado, livraria e restaurante.



Revitalização do Pq. D. Pedro
A inauguração está prevista para meados de 2013. A área construída é de 21.837 m² e o projeto é de autoria do arquiteto Pedro Mendes da Rocha. O Museu da História de São Paulo faz parte do projeto de revitalização do Parque D. Pedro II, que terá um corredor ligando o Mercado Municipal ao Museu Catavento e ao novo espaço.
O histórico edifício data de 1872, onde funcionou a segunda usina de gás de carvão da cidade de São Paulo. 
Texto e Fotos: Eduardo Cedeño Martellotta

sexta-feira, 1 de junho de 2012

Pedaços de Saudade do Brás




Caminho do José Brás, que ligava o Brás à Penha











Cine Braz Polytheama










Teatro Colombo











Antiga Escola Normal do Braz, hoje Escola Padre Anchieta









Avenida Rangel Pestana e Viaduto Maestro Alberto Marino, década de 1960











Porteiras do Brás























Viaduto Maestro Alberto Marino















Rua Caetano Pinto










Rua do Gasômetro














Rua do Hipódromo













Rua Oriente

terça-feira, 15 de maio de 2012

É momento de Orar

Do Oiapoque ao Chuí, é hora de rezar:
* Pelo fim da desigualdade social no Brasil
* Pelo fim da corrupção em nossos governantes
* Pelo fim da violência no País
* Pelos moradores de rua que passam frio
* Pelo fim das enchentes
* Por um Brasil mais justo e humano







Em todo o mundo, é hora de rezar:
* Pelo fim das guerras
* Pelo fim da intolerância religiosa, racial e territorial
* Pelo fim da ganância política e corrupção
* Pelo fim do desemprego na Europa
* Pelo fim da fome na África
* Pelo fim do aquecimento global e das mudanças climáticas
* Pela proteção do nosso Planeta


















Vamos orar, seja qual for sua religião, vamos formar uma corrente de Luz emanando energias positivas.


















quinta-feira, 3 de maio de 2012

Aos 70 anos, Ademir da Guia relembra tempos gloriosos

Poucos jogadores envergaram a camisa da Sociedade Esportiva Palmeiras com amor e fidelidade ao clube. E um desses seletos jogadores é Ademir da Guia, ou simplesmente o Divino, maior ídolo da história do clube alviverde, que em 22 de fevereiro completou 50 anos da sua estreia pelo Verdão, e no dia 3 de abril último, 70 anos de vida.
Vestindo a 10 do Palmeiras em 901 partidas, Ademir marcou 153 gols, tornando-se o terceiro maior artilheiro da história do clube, atrás de Heitor (327) e César Maluco (180). Atuou durante 16 anos pelo time esmeraldino – de 1961 a 1977, na famosa Academia. Seu primeiro jogo oficial foi no dia 22 de fevereiro de 1962, contra o Corinthians, no Pacaembu, com goleada do Verdão por 3 a 0 – ele entrou no 2º tempo. Depois, em 1984 fez as últimas exibições nos campos do CMTC Clube e do Estádio do Canindé.
Gênio nos gramados e dono de uma técnica refinada, Ademir tinha um jogo cadenciado, com muita classe – por isso herdou o apelido do pai Domingos da Guia. Formou o célebre meio-campo Dudu e Ademir. “Em toda minha carreira não fui muito de correr, tinha uma técnica como poucos”, gaba-se o Divino, em entrevista ao Jornal do Brás.
Antes de chegar a São Paulo, em 1961, o carioca da cidade do Rio de Janeiro Ademir da Guia começou a carreira no Bangu, atuando por quatro anos nas categorias infantil e juvenil, e um ano como profissional do time.

Injustiçado por Zagallo
Em 1974, conta ele, embora injustiçado pelo então técnico Zagallo na Seleção, o objetivo maior foi alcançado, ao disputar a Copa do Mundo da Alemanha, tal qual fez o pai Domingos da Guia, que jogou a Copa de 1938. O Divino Ademir jogou somente a partida que valia o terceiro lugar, contra a Polônia. “Foi muito gratificante poder merecer a convocação para aquela Copa, estar com o grupo. A possibilidade de disputar um campeonato mundial jogando, é muito melhor”. No Mundial de 1974, o Palmeiras cedeu seis jogadores para a Seleção Brasileira – ele, Luís Pereira, Leivinha, Alfredo Mostarda, Leão e César Maluco.
Anos antes, em 1965, Ademir e todo o time do Palmeiras entraram em campo representando a Seleção Brasileira na inauguração do Mineirão, contra o Uruguai. Vitória maiúscula por 3 a 0.
Ademir vê hoje muitas diferenças entre o timaço da Academia e o de Luís Felipe Scolari. “Na minha época, o Palmeiras contratava grandes jogadores. Montou uma grande equipe, cheia de craques e era mais fácil permanecer o conjunto. Atualmente o jogador não fica muito tempo no clube. Quando o técnico consegue manter uma equipe e esta joga bem, normalmente os jogadores vão para o exterior, porque não pertencem mais ao clube”, opinou o Divino.

Amigos no Operários
Ao visitar o União dos Operários, dia 1º de maio último, Ademir da Guia ficou bastante impressionado com a modernização do clube.
Ex-vereador em São Paulo, Ademir contou, também, que possui muitos amigos no União dos Operários, e que de vez em quando, o convidam para jogar (na foto, joga futebol society). Para ele, é uma grande satisfação e orgulho conviver com as pessoas deste clube do Belenzinho.
“Não me deixam bater pênalti. Dizem que o cobrador oficial é o presidente do clube, o Bira”, brinca.
No Operários, o Divino já marcou três gols. Em abril último, Ademir disputou seis partidas pelo clube. “Joguei bem, inclusive sendo eleito o melhor em campo, e ganhei um troféu. Isso foi muito surpreendente para mim, não esperava estar com esta performance”, disse o Divino, finalizando a entrevista.

Entrevista e Texto: Eduardo Cedeño Martellotta
Fotos: Milton George Thame e Eduardo Martellotta

quinta-feira, 19 de abril de 2012

Rea Tech realça sucesso

Com grande presença de público, foi realizada, de 12 a 15 de abril, no Centro de Exposições Imigrantes, a Rea Tech Brasil – 11ª Feira Internacional de Tecnologias em Reabilitação, Inclusão e Acessibilidade, que realçou o sucesso dos anos anteriores, trazendo as últimas tecnologias acessíveis, produtos e serviços para os portadores de deficiência física, em cerca de 300 expositores.
Vale destacar que, na cerimônia de abertura da feira, foi assinado um acordo entre a Secretaria de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência e o Comitê Paraolímpico Brasileiro, que oficializou a realização das Paraolimpíadas Escolares em São Paulo, de 15 a 20 de outubro.
O evento foi uma realização e promoção do Grupo CIPA/Fiera Milano, com participação do Jornal do Brás.

Cobertura jornalística: Eduardo Cedeño Martellotta

Censo Inclusão 2012

Márcia Marolo (foto), pedagoga e coordenadora geral de projetos de Inclusão da Secretaria Municipal da Pessoa com Deficiência e Mobilidade Reduzida, destacou, na Feira Rea Tech, que a secretaria tem como foco principal o Censo Inclusão 2012, primeiro Censo da história de São Paulo direcionado às Pessoas com Deficiência e Mobilidade Reduzida, do qual ela é presidente do grupo de trabalho.
Márcia explicou que foram enviados 2 milhões e 400 mil formulários para todos os domicílios do município pelo cadastro do IPTU. A ideia é obter dados para o Censo Inclusão, através de um cadastro e 26 perguntas, o que pode ser feito também pela internet, através do site http://www.censoinclusao.sp.gov.br. A data limite para preenchimento é 21 de maio. A pessoa deve devolver pelo correio o formulário. As despesas são pagas pela Prodam, empresa de Tecnologia da Informação e Comunicação de São Paulo. “Até o final de dezembro, iremos disponibilizar os primeiros dados”, disse Márcia.
O censo poderá ajudar na implementação e reforço de políticas públicas, reforçou ela. A secretaria, localizada na rua Líbero Badaró, 425, 32º andar, atende pelo fone 3913-4000. O atual secretário é Antonino Grasso.

Cinema com Acessibilidade nas escolas

Outra novidade na feira foi o Cinema Inclusão, um projeto desenvolvido pela Organização da Sociedade Civil (OSCIP) Mais Diferenças, que trabalha as questões de educação e cultura. O coordenador geral Luiz Henrique Mauch, contou, em entrevista ao Jornal do Brás, que, por meio desse projeto, é disponibilizado um acervo de filmes de curta-metragem acessíveis, contando com recursos de áudio e descrição, legenda para surdos e sinalização de janela de libra.
O objetivo, disse Mauch, é trazer, para dentro do universo das escolas, a ferramenta do cinema como uma perspectiva de incentivo à produção áudio-visual e nos processos de inclusão. “Para que consigamos, através dos filmes, sensibilizar nos alunos, a importância da inclusão das pessoas com deficiência”, completou.
O Cinema Inclusão foi implementado na rede pública de Cajamar, Osasco e Guarulhos.
Ele ressaltou que o projeto pode ser desenvolvido em qualquer espaço de cultura ou ainda em escolas privadas e públicas. “A ideia é que o professor, com a caixa, consiga exibir todas as sessões e fazer as discussões pertinentes”, disse o gaúcho Mauch.
Contatos através do fone 3881-4610 ou pelo e-mail md@md.org.br.

Esportes Paraolímpicos

Outras importantes participações na feira foram o Comitê Paraolímpico Brasileiro e a Associação Desportiva para Deficientes – ADD, que fizeram demonstrações de basquete, vôlei, corrida e bocha para deficientes, na ADD Sports Arena, montada no Centro de Exposições Imigrantes.




Tiago Ribeiro, na foto com o amigo Paulo, participa da equipe de vôlei paraolímpico e fez demonstrações do esporte para o público presente. Ele atua pela equipe Tottus do CPSP – Clube dos Paraplégicos de São Paulo.
“O evento é maravilhoso e mostra um mundo que as pessoas não conhecem, que é o da deficiência”, disse ele, que participa há três anos consecutivos na feira Rea Tech. 














Bradesco









Itaú












FIAT










Ford











Volkswagen











Avape











EMTU











AACD












Comitê Paraolímpico Brasileiro

Web TV E5

Web Rádio E5 24h

Web Rádio Boa Demais

Jornal do Brás

Jornal do Brás - Últimas Notícias

Jornal do Brás no Facebook

Folha de S. Paulo - Em Cima da Hora

OVNIs e ETs

OVNIs e ETs
Site do Portal E5. Tudo sobre Ufologia

Arquivo do Rádio

Arquivo do Rádio
Viaje no tempo e relembre áudios registrados ao longo da história do Rádio no Brasil

Boletins na Rádio Terra AM

Boletins na Rádio DaCidade AM

Categorias